Falar em inglês – speak, talk, say ou tell

Temos falado bastante aqui no blog sobre os erros mais comuns em inglês. Sabe qual a diferença de uso entre “speak”, “say”, “tell” e “talk”? Todos se referem a falar, conversar, se comunicar em inglês. Vamos explicar a diferença entre eles e esclarecer seu uso com exemplos.

SPEAK x TALK
Falar e Conversar

Esses dois verbos são usados como sinônimos quando o sentido for falar, conversar, mas existe uma diferença de formalidade. Prefira speak para situações mais formais, como em: It’s really uncomfortable for me to speak in public (É muito desconfortável falar em público para mim). Não se esqueça de que, para línguas e idiomas, “speak” é a opção certa: Do you speak English? (Você fala inglês?)

Use “talk” de maneira menos formal: I was talking to the teacher when he arrived. (Eu estava conversando com o professor quando ele chegou.) Note que esse verbo indica mais uma troca de informações, como em um diálogo mesmo, diferente de speak, que não passa esse sentido sempre. “Speak” é a fala em si, a transmissão de uma mensagem que não implica necessariamente na troca entre falantes.

As preposições em inglês mais comuns com esses verbos são: “to”, que indica com quem se fala, ou “about”, para sobre o que se fala.

The manager spoke to the team.
(O gerente falou com a equipe.)

Mary and Sally were talking about the latest layoffs.
(Mary e Sally estavam falando sobre as últimas demissões.)

“With” também é uma opção que se refere a com quem estamos falando. Ao ser usado com “speak”, indica uma conversa mais direta e menos formal. A preposição também pode indicar de qual maneira uma pessoa fala: You are speaking with a funny accent. (Você está falando com um sotaque engraçado.)

É válido lembrar que speak é um verbo irregular: speak – spoke – spoken. Já “talk” é regular: talk – talked.

SAY x TELL
Dizer e Contar

Esses dois se diferenciam um pouco mais, principalmente em relação ao foco.
Com “say”, o foco é no que foi dito: She said she was leaving after the holidays (Ela disse que iria embora depois das férias.)

Isso ocorre pois “say” é um verbo normalmente usado para reportar ou reproduzir o que alguém disse, ou seja, ele é muito usado no discurso indireto. Dessa forma, o mais importante é mesmo a mensagem e não quem a reproduziu ou para quem.

John said that Janet broke up with him.
(John disse que a Janet terminou com ele.)

É muito comum em narrativas o uso do “say” para indicar o que alguém disse:
“We need to save the princess,” the prince said.

“Tell” é usado em contextos onde o foco é narrar, contar e, com ele, é importante que haja o complemento, a indicação de quem recebeu uma informação, antes de passar a mensagem em si: They always tell us what we want to hear. (Eles sempre nos falam o que queremos ouvir.)

A ideia principal desse verbo é “tell someone something” (dizer algo a alguém).
Marina told her son about the divorce.
(Marina contou ao seu filho sobre o divórcio.)

Note que não devemos usar a preposição ”to” depois desse verbo. Usamos apenas depois de “say”, quando o propósito é indicar para quem a mensagem foi direcionada. Observe:
Tell
She told to him her secret. – ERRADO
She told him her secret. – CERTO

Say
I said her about us. – ERRADO
I said to her about us. – CERTO

Confira o que aprendeu. Faça nosso teste e complete com “say” ou “tell”! (lembre-se de que, em alguns casos, pode ser preciso conjugar o verbo).

1. He ____ that he would call me back! – say
2. You should ____ us that story again. It’s so funny!
3. She’s already ____ us not to do this.
4. My mother _____ I looked tired.
5. What were you going to ____ ?

Resposta: 1. Said/ 2. Tell/ 3. Told/ 4. Said/ 5. Say

Sarah Oliveira

A Sarah é estudante de Letras pela Universidade de São Paulo e assistente de conteúdo da EF Englishtown. Seu interesse por inglês vem desde criança, quando escolhia assistir aos filmes legendados para aprender palavras e expressões novas.
Decidiu estudar Letras, pois é fascinada pela cultura britânica, americana e mundial, e nada melhor do que o inglês para ter um contato profundo com diferentes literaturas e artes.

Você também pode gostar desses artigos

32 comments

  1. Na explicação de “say”, no terceiro parágrafo, está grifada a palavra “speak”. Foi engano?

  2. Good explanation. So, I gonna tell my teacher about my childhood memories and I will use rhe “tell” form because it will be a narration. OK?

  3. Eu estava com essa dúvida de quando usar um e outro, agora não mais, valeu galera do EF English Live 🙂

  4. Bem eu entendi, porém já vi duas situações em que se foi usado o tell e say , e ambas da situações queriam falar a mesma coisa.(pelo o que eu entendi da frase) kk

    LETRA DE MUSICA*

    Say you love me.

    tell me you love me.

    help me!!

    1. Olá, Raquel,
      Eles têm uma sutil diferença de significado e uma diferença gramatical de uso (note que, depois de “tell”, temos o objeto [neste caso, “me”]), mas isso não significa que não possam ser usados na mesma situação.
      “Say” tem foco no que é dito: “say you love me”, é importante que a pessoa diga isso.
      “Tell” é a narrativa e é importante para quem é dito: “tell me you love me”, é importante que isso seja dito para “me”.
      A diferença de significado é bem sutil, mas está aí 🙂 Percebe?
      Esperamos que isso ajude!

      1. Speaks when are seen crowd’s.
        She tell me what is her cell-phone.
        Now she ia talking with me,
        And she and me will be as the saying goes: two cheerful-sillies.

        Teacher! It’s right wrote above?

        1. Hi, José,
          Vamos ver suas frases juntos:
          Speaks when are seen crowd’s. –> não entendemos o que quis dizer aqui. Quando a “crowd’s”, provavelmente é sem o apóstrofo, que não pode ser usado em plurais.
          She tell me what is her cell-phone. –> She tells me her cell phone number.
          Now she ia talking with me, –> Now she is talking with me,
          And she and me will be as the saying goes: two cheerful-sillies. –> usamos sempre “I”, não “me”, quando em posição de sujeito. Sobre “cheerful sillies”, nos parece tradução literal, e não é comum em inglês. está bem?

  5. I promise ever after to you that I will be well-balanced in any one question.

    They speak when are seeing crowds.

    1. Olá, José, tudo bem?
      Ambas as frases precisam de ajustes. Poderia nos passar em português o que pretendia dizer para ajudarmos melhor?
      Thank you!

  6. Eu prometo desde já a você que serei prudente em toda questão.

    Eles falam quando veem multidões.

    Está certo , professora?

    1. José, olá!

      Você trouxe a frase “Eles falam quando veem multidões” como “Speaks when are seen crowd’s.”
      Vamos ver juntos:
      1. Toda frase em inglês precisa de um sujeito – Então, eles vira “they”
      2. “They” é terceira pessoa do plural, logo, não colocamos “s” no verbo
      3. “Veem” é presente simples no inglês – só “see” basta (acompanhado, como dissemos no primeiro item, do sujeito “they”)
      4. Plural só tem “s” no fim da palavra, sem apóstrofo

      Assim, temos:
      They speak when they see crowds.

      Esperamos que isso ajude!

  7. Professora, perdão, não fui o culpado (acho que sim o sistema). Explico o que escrevi:

    I promise ever after to you that I will be well-balanced in any one question. (17.8.18 – 17:10 hs)

    Eu prometo desde já a você que serei prudente em toda questão. (27.8.18 – 10:48 hs)

    They speak when are seeing crowds. (17.8.18 – 17:10 h)
    Eles falam quando veem multidões. (27.8.18 – 10:48 h)

    Está tudo certo?

    1. Oi, José, a segunda frase é exatamente como conversamos, só faltou o sujeito na segunda parte:
      They speak when they see crowds.

      A primeira, para “desde já”, recomendamos “since now” ou “starting now”. Porém, se isso não for uma mudança de atitude, tiver mais o sentido de “desde o começo”, pode ser também “from the get go”. Sobre “well-balanced”, é mais algo como “equilibrado”. E “questão”, nesse sentido, poderia ficar melhor como “issue”.
      I promise you, since now, I’ll be cautious/prudent/careful with every issue.

      Uma dica é começar a ler mais em inglês e ver mais filmes, ouvir mais músicas, para não ficar tentando com frases soltas, está bem?

  8. My brother said he wish I will have been having the english ever.

    It’s correct, teacher?

    1. Oi, José,
      Tem bastante confusão na conjugação dos verbos, poderia nos contar o que quis dizer para ajudarmos melhor?

    1. José, tradução não te ajuda a pensar em inglês, que é parte fundamental de aprender. Tente entender o contexto – é uma ordem que está sendo reportada, está bem?

  9. A minha dúvida é sobre a diferença no uso do “converse”. Não sei em qual contexto ele pode ser utilizado.

    1. Oi, Luana! Você pode substituir qualquer verbo que signifique conversar por “converse”, embora ele signifique especificamente “troca de ideias, informações e opiniões”, e seja mais formal do que os demais 😉
      Por exemplo, “She conversed with many people before deciding what to do” (Ela converseou com várias pessoas antes de decidir o que fazer.)

Deixe um comentário!

Seu e-mail não será publicado. Os campos marcados são obrigatórios